Domingo, 11 de Setembro de 2005

A Vida ao Contrário...

Chaplin
publicado por Ramarago às 18:15
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Anónimo a 14 de Setembro de 2005 às 15:44
Ola. A vida ao contrario. Á parte do orgasmo final ia tudo dar ao mesmo, ou seja deixaria-mos de existir. Mas essa do orgasmo, deu-me ke pensar. Eu não me preocupo muito com o dia da morte. O orgasmo? Bom... não me importava nada de tar a ter um no acto da morte. É a mais bela forma de morrer. Disse asneiras? Um beijo.zzeka
(http://vamps.blogs.sapo.pt)
(mailto:zzeca855@hotmail.com)


Comentar post

.Junho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Olhar de Moura Encantada

. A Nossa Gota

. O Sagrado Feminino

. Prevenção do cancro da ma...

. Na Dualidades dos Mundos

. Frida Kahlo (Pintora) – U...

. De Sapo a Girino

. Nova Expresão -Desabafo-

. Moderador de Vidas

. Beijo Alado

.arquivos

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004